Travessia Refugios Bariloche

 

Um refúgio de montanha ou albergue de montanha é um edifício destinado a alojar e proteger das inclemências meteorológicas montanhista ou excursionista em zonas de montanha, geralmente de difícil acesso. A maioria são geridos por clubes de montanhismo. 

Os refúgios de montanha tradicionais só dispõem de serviços básicos: sanitários, cozinha comunitária e alojamento, partilhando os quartos entre os grupos de montanhistas. A maioria dispõe de tipo de gerador elétrico e conta com um emissor-receptor de rádio em caso de problemas. Os novos albergues tendem a introduzir serviços próprios de hotéis, como por exemplo oferecendo alimentação, embora mantenham um carácter rústico. 

A gestão destes espaços é feita por pessoas (refugeiro), que podem residir no local de forma permanente ou, devido ao acesso, apenas durante a temporada de inverno, ocupando-se periodicamente da sua manutenção.

Em Bariloche, existem vários refúgios de montanha este programa de trekking é um clássico e histórico na Patagônia Argentina onde faremos uma travessia de montanha unindo o refúgio Frey a o refúgio Lopez.  Em cinco dias de travessia pela cordilheira de los Andes dentro do Parque Nacional Nahuel Huapi e muito próximo a cidade San Carlos de Bariloche. O trekking une a quatro Refúgios (Frey, Jakob, Laguna Negra, Lopez, Extremo Encantado) de montanha desfrutando dos bosques andinos - patagônicos.

 

Nivel de dificuldade: Médio - alto

Época do ano Recomendada: Novembro a Maio

Duração da programa: 7 dias

Altitude no inicio: 800m

Altitude mãxima alcançada: 2.070m

Declive máximo para subir em um dia: 1200 metros.

 

O serviço inclui:

- Guia de montanha qualificado com equipamentos de segurança, comunicações e treinamento em primeiros socorros.

- Despesas de guia nos Refugios, dormidas e refeições. (equipamentos de camping, cozinha coletiva e todas as refeições na opção camping)

- Lanche completo de almoço para o primeiro dia, snacks e comida marcha para os outros dias. (levamos frutas e verduras para melhorar a alimentação dos abrigos)

- Seguros e Licenças Obrigatórias no Parque Nacional.

Não incluso no programa

- As despesas da noite e refeições nos Refugios dos participantes, têm um custo que se paga em cada refugio. 

 

Programa

 

Dia 1: Chegada a Bariloche.

Dia reservado para as últimas compras e preparativos dos equipamentos. Neste dia faremos a checagem do equipo pessoal com o guia.

 

Dia 2: Traslado a Villa Catedral 1º Dia Trekking. Aproximadamente 6 horas. 

Após café da manhã faremos o traslado a Villa Catedral. A partir deste ponto iniciaremos nossa trekking até o Refúgio Emílio Frey, localizado no setor sul do Cerro Catedral. Levaremos 2 a 3 hs até o riacho Van Titter local onde faremos um lanche. Daí serão 2 horas mais até o refúgio frey, próximo a laguna Tonceck. Tarde livre para desfrutar da paisagem.

 

Dia 3: Travessia ao Jakob.  Aproximadamente 7 horas.

Saímos cedo para desfrutar de uma longa jornada de trekking. Subiremos até a laguna Scholl e o filo do Catedral para depois descer até o fundo do vale do Rucaco, 3 a 4 hs. Lanche no bosque antes de seguir nossa jornada, logo após continuamos subindo até alcançar um grande filo onde obteremos uma vista da laguna Jakob e seus arredores. Descida importante até a laguna e até o refúgio Gral San Martin (Jakob).

 

Dia 4: Travessia a Laguna Negra. Aproximadamente 9 horas.

Madrugaremos esse dia para mais uma jornada de trekking longa. Daremos início ao trekking subindo uma encosta pronunciada onde utilizaremos cordas para nossa proteção. Uma vez no filo caminharemos até um passo que nos leva ao Cerro Navidad, onde faremos um lanche 4 A 5 hs. A partir deste ponto iniciaremos a descida pelo vale do riacho Goye até encontrar com o cruze e inicio do caracol que nos levara a refúgio Itália (Laguna Negra).

 

Dia 5: Travessia ao Lopez.  Aproximadamente 7 horas.

Este dia sairemos um pouco mais tarde, a ideia é descansar da jornada do dia anterior. Contornaremos a Laguna Negra e alcançaremos um passo onde termos uma linda vista do Cerro Tronador. A partir desse ponto caminharemos por um filo de pedras soltas até a base do cerro Lopez, local de nosso lanche 3 a 4 hs. Após o lanche iniciaremos nossa ascensão ao passo do cerro Lopez que nos brindara novamente uma linda vista, agora da região dos lagos ao norte do parque.  Descida para jantar e pernoite no refúgio.

 

Dia 6: Travessia ao Extremo.  Aproximadamente 5 horas.

Este dia de travessia, objetivo é fazer uma caminhada até nosso ultimo refugio Extremo Encantado. A maior parte do dia de hoje será descida, chegaremos ao refugio onde teremos uma vista previlegiada do lago Nahuel Huapi e todas as montanhas. tambem poderemos ver parte da cidade de Bariloche onde chegaremos no proximo dia.

 

Dia 7: Dia Trekking  a Base do cerro Lopez. Aproximadamente 4 horas.

Último dia de nossa travessia, objetivo hoje é fazer uma caminhada tranquila pelo bosque patagônico. A maior parte do dia de hoje será descida, chegaremos ao vilarejo de Colônia Suíça onde nos estará esperando o transporte que nos levará de volta a Bariloche.

 


IMPORTANTE: Este é só um itinerário proposto, e poderá ser modificado se o Guia líder da expedição assim o considerar necessário, para acomodar se as condições do clima, do grupo ou outros fatores. Tendo em conta estes fatores, os programas contem dia extra para melhorar as probabilidades de exito. Quando planeje sua viaje tome em conta dia extra. Não se responsabiliza-mos por nem um custo extra pelos voos perdidos, custos extra de transporte terrestre o noites em hotéis pela demora no regresso o evacuações sejam estas por motivos médicos o não.

 

Home           Histórico           Galeria de fotos           Contato

Milton Marques - Guia Brasileiro na Argentina

Compartilhe nas redes sociais: